Invadi ou fui invadido? Para se ter certeza não há outro jeito: Tem que medir a quadra toda!  ABNT 17047/22

Como já dito, não basta as medidas estar de acordo com a matrícula pois, o conjunto de medidas podem estar “deslocados” e um dia isso vem a tona.

De acordo com as normas técnicas vigentes da  Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) –NBR n° 14645-2/2005 especifica : Deve utilizar como referência o levantamento da quadra toda georreferenciada correspondente. – Garantindo assim o perfeito posicionamento  de seus limites perante aos demais proprietários.

Portanto,  é vedada a utilização de muros e construções das vizinhanças ou quaisquer outras feições duvidosas como referência. Atos muitas vezes inobservado para baixar custos, porém com alto risco de invasões de lotes alheios e por menor que seja gera muitas dores de cabeça. veja mais…

Entretanto, suas observâncias demanda maiores  trabalhos, custos adicionais  com profissionais treinados, emprego de equipamentos especiais (GPS geodésicos) Levantamento de área maior,  além da burocrata buscas do projeto original do loteamento junto aos órgãos governamentais ou administração de condomínios para sua recomposição.

RESPONSABILIDADE PROFISSIONAL: Uma vez remarcados e georreferenciados  ao Sistema Geodésico Brasileiro (SGB) há de se fornecer  Latitudes e Longitudes de todos os vértices de modo inequívoco em relatório técnico instruído do competente Termo de Responsabilidade Técnica  (TRT). Assim sendo, cabe ao mensurador habilitado toda responsabilidade perante seu Conselho de Classe e ao Código de Defesa do Consumidor.

DGennari – Serviços honestos!

Dgennari 2022   |   Política de privacidade
Gren